Mato Grosso do Sul

Caminhões customizados da MS Pantanal chegam a Naviraí e Nova Andradina

Veículos foram desenhados para diminuir possíveis transtornos nos serviços de esgoto

Publicada em 15/06/21 às 11:23h - 70 visualizações

por MS Pantanal


Compartilhe
Compartilhar a notícia Caminhões customizados da MS Pantanal chegam a Naviraí e Nova Andradina  Compartilhar a notícia Caminhões customizados da MS Pantanal chegam a Naviraí e Nova Andradina  Compartilhar a notícia Caminhões customizados da MS Pantanal chegam a Naviraí e Nova Andradina

Link da Notícia:

Caminhões customizados da MS Pantanal chegam a Naviraí e Nova Andradina
Os novos caminhões customizados da Ambiental MS Pantanal (AMSP).  (Foto: Divulgação)

Naviraí e Nova Andradina receberam, neste fim de semana, os novos caminhões customizados da Ambiental MS Pantanal (AMSP) – empresa criada a partir da Parceria Público-Privada (PPP) entre a Sanesul e o Grupo Aegea, que veio impulsionar os investimentos no saneamento básico. O veículo foi desenhado com o objetivo de diminuir possíveis transtornos nos serviços de esgoto e já circula em outras cinco cidades do estado.

Nova solução para o setor, a “retro saneamento” deve trazer mais agilidade a serviços como manutenção, troca de tubulação, ligação da rede de esgoto, entre outros. Isso será possível porque que esse tipo de caminhão reúne – em um só veículo – equipamentos como caçamba, retroescavadeira, baús para acondicionamento de ferramentas, guindaste e engate rápido para instrumentos hidráulicos.

Com isso, o deslocamento de vários veículos para a realização de um só serviço não se faz mais necessário, resultando na redução da emissão de poluentes e de possíveis transtornos no tráfego das cidades.

O mesmo modelo já foi entregue pela MS Pantanal em municípios como Aquidauana, Ribas do Rio Pardo, Parnaíba, Três Lagoas e Dourados.

A MS Pantanal deu início a chamada “operação plena” em maio, mas equipes e veículos da empresa já podem ser vistos em todas as regiões do estado. A empresa tem a meta ambiciosa de universalizar o saneamento básico no Mato Grosso do Sul dentro da próxima década. Para isso, estima-se o investimento de cerca de R$ 1 bilhão em obras.

A expectativa é de que mais de 1,7 milhão de sul-mato-grossenses tenham acesso ao saneamento básico ao final de 2031. Isso significa que 98% da população estadual estará assistida, posicionando o MS como o primeiro estado a universalizar tais serviços.

 

Infra Inteligente. 

 

No primeiro trimestre, a AMSP concluiu o mapeamento digital de toda a infraestrutura da Sanesul, utilizando drones de última geração capazes de produzir modelos tridimensionais das instalações. Apelidado de Infra Inteligente, o programa de mapeamento é pioneiro no setor e permite a realização de visitas virtuais nas estruturas das concessionárias, em qualquer local do país, prevenindo problemas, facilitando a tomada de decisões e otimizando recursos e serviços.

O Infra Inteligente foi destaque no “Fórum Novo Saneamento”, realizado no mês passado, na B3 - a Bolsa de Valores de São Paulo.  O evento foi promovido com o intuito de expor os avanços representados pelo novo marco legal – sancionado no ano passado – e preparar empresas e investidores para uma “verdadeira revolução” no sistema de esgotamento sanitário.

 

Centrais de Monitoramento. 

 

Embora tenha dado início à operação plena há pouco mais de um mês, a AMSP também já concluiu a fase de modernização do sistema de monitoramento do esgoto, com novas centrais que permitirão a coleta de dados operacionais mais detalhados nas estações elevatórias e de tratamento nos 68 municípios onde a empresa passa a operar.

Agora, dados como o nível do esgoto nas estações elevatórias e o estado de funcionamento da estrutura eletromecânica (bombas, geradores e baterias) das plantas serão coletados de maneira mais eficaz – em tempo real. Com o novo sistema, o quadro de comando de cada unidade enviará dados sobre o funcionamento dos equipamentos da planta a um moderno sistema informatizado, que será monitorado diuturnamente pelas equipes da MS Pantanal no Centro de Controle Operacional (CCO), localizado em Campo Grande.  




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (67) 9 9997-1049

Visitas: 573019
Usuários Online: 114
Copyright (c) 2022 - Radio Laguna Carapa MS - Rua Gabriel Cabral, 697 Laguna Carapã MS - Direitos Reservados
Converse conosco pelo Whatsapp!