Policia

VÍDEO: família defende músico que agrediu cantora e diz que vídeo prova que Elso foi atropelado

Publicada em 19/08/19 às 09:40h - 153 visualizações

por Dany Nascimento (Top Midia News


Compartilhe
Compartilhar a notícia VÍDEO: família defende músico que agrediu cantora e diz que vídeo prova que Elso foi atropelado  Compartilhar a notícia VÍDEO: família defende músico que agrediu cantora e diz que vídeo prova que Elso foi atropelado  Compartilhar a notícia VÍDEO: família defende músico que agrediu cantora e diz que vídeo prova que Elso foi atropelado

Link da Notícia:

VÍDEO: família defende músico que agrediu cantora e diz que vídeo prova que Elso foi atropelado
O irmão de Elso afirma que o músico não lembra ter danificado o carro da cantora; família diz que irmãos de Adriana invadiram a casa e agrediram a mãe do músico  (Foto: Arquivo Pessoal)

Em defesa do irmão, o Guarda Municipal Eder Neves, 36 anos, entrou em contato com o TopMídiaNews e disse que Elso Neves Alves, 29 anos, suspeito de agredir e ameaçar a cantora Adriana Regina Paredes de Souza (da dupla Patrícia e Adriana), teria sido vítima dos irmãos da artista. Ele afirma que dois irmãos de Adriana foram tirar satisfação na casa de Elso e invadiram o local.

“Eles invadiram a casa da minha mãe, agrediram minha mãe dentro de casa. Foi aí que meu irmão saiu em defesa da minha mãe. O Elso pegou o cabo do rodo para ir em cima dos meninos. No portão, do lado de dentro da casa, foi onde aconteceu tudo.  Depois, um dos irmãos dela desferiu um golpe de facão que arrancou o osso do braço do meu irmão. Eles falam que acertaram golpe de facão de lado para assustar enquanto ele brigava com o outro irmão, mas o Elso levou doze pontos, está com uma marca expressiva nas costas, que quase cortou as costas dele”.

Sobre Elso se pronunciar diante das denúncias de agressão contra a cantora, Eder afirma que o músico prefere aguardar para prestar depoimento na delegacia, mas confirma que foi tirar satisfação na casa de Adriana. “Ele disse que ela estava com um rapaz na casa dela, daí ele tentou conversar com ela e ela não quis. Eles viviam indo e voltando esse relacionamento, meu irmão foi tirar satisfação porque viu o cara na casa dela, ela falou que não tinha nada a ver, ele foi para casa da minha mãe. Ela foi atrás do meu irmão, ele falou que não queria conversar, ela entrou na casa minha mãe. Meu irmão chamou minha mãe para ouvir o que ela estava falando, ela falava para meu irmão não interferir na vida dela, ela não queria ir embora, ele empurrou ela para fora e fechou o portão. Ela ficou lá na frente do portão, minha mãe conversou com ela para ir embora, daí ela foi embora”.

Sobre os danos causados no veículo da cantora, o irmão afirma que Elso não se recorda porque havia ingerido bebida alcóolica. “Depois que viu o rapaz na casa dela, ele bebeu, passou na frente da casa dela novamente. Ele falou que não lembra, mas acha que arranhou o carro dela, ela me ligou depois e falou que ele quebrou algumas coisas no veículo. Ela ligou e falou que fez boletim de ocorrência, até aí estava correto. Mas os irmãos dela foram lá e agrediram minha mãe e atropelaram meu irmão. Eles falavam que iam matar meu irmão, ameaçaram minha mãe. Como meu irmão não estava em casa, eles foram embora. Depois meu irmão mandou mensagem do celular da minha mãe para Adriana, daí os irmãos voltaram e aconteceu isso”.

Eder enviou um vídeo onde um rapaz é atropelado. Ele afirma que seria Elso correndo dos irmãos da cantora.  

O caso

A cantora Adriana denunciou o ex-namorado, Elso Neves, na Deam (Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher), alegando que foi agredida e ameaçada pelo músico, após terminar o relacionamento de um ano. Por meio de seu advogado, Rafael Rodrigues, a cantora relata que vivia um relacionamento abusivo, com excesso de ciúmes.

Conforme o advogado, no dia 13 de julho, Elso teria invadido a casa de Adriana e vasculhado os móveis da casa. Com medo, ela se trancou no banheiro e acionou a Polícia Militar.  O advogado destaca que Adriana teve medo de Elso ir atrás de um amigo com o qual ela fazia negócios e saiu para convencê-lo que não havia nada relacionado ao rapaz.

Irritado, Elso teria dado um chute na perna da vítima e quebrado o carro dela.   Na versão da defesa da cantora, no dia seguinte, 14, dois irmãos dela foram até a casa da mãe de Elso, onde ele mora, para questionar sobre o ressarcimento dos danos no veículo.

A mãe do suspeito teria o atendido de forma educada e prometeu pagar pelos reparos no carro. Porém, Elso passou a mandar mensagens agressivas dizendo que não iria pagar o prejuízo. Dessa forma, os irmãos de Adriana voltaram a casa dele e passaram ressarcimento

"Ele [Elso] já saiu para conversar com um espeto de carne e foi para cima deles. Nisso o portão acabou sendo empurrado e causou um corte na cabeça da mãe dele. Aí o Elso partiu para cima deles com o espeto'', destaca Rodrigues.

O advogado lembra que, para se defender, um dos irmãos que trabalha com jardinagem pegou um facão no carro. ''Ele deu um golpe de lado do facão, justamente para não machucar'', completa Rafael. Nesse momento, Elso fugiu a pé e foi perseguido por um dos irmãos até ser prensado em um portão.

Elso foi levado para a Santa Casa, onde operou o cotovelo esquerdo e teve alta ontem (16). A defesa de Adriana destaca que a artista aguarda a Justiça liberar uma medida protetiva para a cliente. Ela continua a fazer shows, mas se diz abalada com o caso.

 




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (67) 9 9997-1049

Visitas: 573023
Usuários Online: 114
Copyright (c) 2022 - Radio Laguna Carapa MS - Rua Gabriel Cabral, 697 Laguna Carapã MS - Direitos Reservados
Converse conosco pelo Whatsapp!